Esta página utiliza cookies. Durante a navegação na nossa página, aceita que utilizemos cookies.

Saiba mais sobre cookies
Fechar
Fechar
Fechar
QUATRO CANDIDATOS À VITÓRIA!

QUATRO CANDIDATOS À VITÓRIA!

MOSCOW RACEWAY (05-07/06/2015)

  • Após o pouco normal encontro no Nürburgring, o FIA WTCC regressa a um traçado mais clássico com o Moscow Raceway.

  • Vencedor de quatro corridas em outros tantos fins-de-semana, José María López chega à capital russa como sólido líder do Campeonato do Mundo de Pilotos.

  • Lado a lado na corrida ao lugar e delfim, Sébastien Loeb e Yvan Muller irão tentar reduzir a diferença para o seu colega de equipa.

  • Vencedor neste circuito no ano passado, Ma Qing Hua conta aproveitar a sua experiência para reencontrar o caminho do pódio.

Antes de terminar a temporada europeia na Eslováquia, em França e depois em Portugal, o Campeonato do Mundo FIA WTCC aponta a Este, na direcção da Rússia – o mais vasto país do Mundo – para a quinta jornada da temporada. Desenhado pelo célebre arquitecto Hermann Tilke e inaugurado em 2012, o Moscow Raceway acolhe pela terceira vez o FIA WTCC.

No ano passado, o fim-de-semana foi proveitoso para a equipa Citroën Total. Na primeira corrida, José María López impôs-se, enquanto Sébastien Loeb terminou em 3º. A segunda manga acabou por ser histórica, pois Ma Qing Hua tornou-se o primeiro piloto chinês a conquistar uma vitória num Campeonato do Mundo FIA! No seu primeiro fim-de-semana ao volante do Citroën C-Elysée WTCC, Hua soube resistir à recuperação de Yvan Muller, nas últimas voltas. Portanto, todos os quatro pilotos da Citroën conhecem já o pódio do Moscow Raceway e não irão ter outro objectivo em 2015 que não seja lá regressar!

AGENDAS BEM RECHEADAS

À falta de sessões de testes, cada um ocupou-se à sua maneira depois da corrida de Nürburgring. Enquanto Hua rumou a Shanghai, ao encontro dos seus amigos, mas principalmente da comida chinesa, Muller preparou a sua participação no Rallye de Chablais, com um DS 3 R5. Na semana passada, López deu um salto ao paddock do GP do Mónaco, enquanto consultor da FOX Sports. Após ter desfrutado de alguns dias de repouso junto da família, Loeb esteve presente no domingo passado, 30 de Maio, em Haguenau, para a inauguração do espaço desportivo que arvora o seu nome.

Na próxima Quinta-Feira, todos irão convergir para o circuito moscovita, para preparar activamente a quinta ronda da temporada. Com três pole positions, quatro vitórias nas Corridas 1 e três pódios nas Corrida 2, José María López tem feito um trabalho quase perfeito até aqui. Esta regularidade de performances permitiu ao argentino formar uma confortável almofada de 50 pontos sobre o seu mais próximo perseguidor. O que quer dizer que o Campeão em título deverá deixar a Rússia, salvo um enorme golpe de teatro, ainda na frente do Campeonato do Mundo. Contudo, Pechito não deve esquecer que registou, nesta mesma pista, o único abandono na sua carreira no WTCC!

Segundo classificado no Campeonato do Mundo desde o evento de abertura, Sébastien Loeb viu o seu avanço derreter-se no decorrer das três jornadas seguintes. Agora, a sua diferença para Yvan Muller não é mais do que um magro ponto! Com cinco pódios, entre os quais uma vitória, em oito corridas, Seb claramente elevou o seu nível de jogo em relação à época passada. Apenas lhe falta um pouco mais de sucesso nas qualificações para contestar a supremacia de Pechito.

Pouco a pouco, Yvan Muller tem vindo a apagar handicap de um resultado virgem em Termas. Mas o quádruplo Campeão do Mundo não vai contentar-se com um mero 2º lugar. Para travar a marcha triunfal de López, tem que assinar a pole position – como na Hungria – e ganhar, como em Marrocos ou na Alemanha. Como temível concorrente que é, o francês nada irá deixar ao acaso…

Com altos e baixos, a temporada de Ma Qing Hua tem sido mais irregular. Por enquanto, o chinês não tem mais que um pódio, em Marraquexe, pelo que não aposta noutra coisa a não ser na vitória, apesar do seu deficit de experiência. Em Moscovo, irá evoluir pela primeira vez numa pista que já conhece de 2014, esperando poder aproveitar este facto para reconquistar o 4º lugar no Campeonato do Mundo de Pilotos, roubado por Tiago Monteiro.

Volta a volta, López, Loeb, Muller e Hua têm trazido pontos para a Citroën no Campeonato do Mundo de Construtores. Em três dos quatro encontros já realizados, a Marca conseguiu o score máximo de 95 pontos, resultando num avanço de 115 pontos, que se pretende cresça nas jornadas que se seguem.

O PROGRAMA DAS FESTAS

Na Sexta-Feira, o encontro começará com uma primeira meia hora de Treinos Livres, pelas 12h00. No Sábado, as duas outras sessões estão programadas para as 08h30 e as 11h00. As Qualificações serão disputadas a partir das 13h30, com o regresso ao sistema clássico Q1/Q2/Q3. No domingo, as duas Corridas terão lugar pelas 12h15 e 13h25, com 16 voltas cada uma (ou seja, 62,9 km). A região de Moscovo tem um fuso horario GMT+3, ou seja, duas horas a mais que em Portugal.

Top